Inspeção e manutenção

Como verificar e cuidar de pneus de engenharia civil

Recomendações gerais

Certifique-se de que a máquina está parada e fixa antes de qualquer inspeção.

Os pneus devem ser inspecionados regularmente para detetar qualquer desgaste anormal e potenciais danos.

O binário das rodas deve ser verificado de acordo com as recomendações do fabricante da máquina.

Quaisquer furos, cortes ou distorção visível do piso, paredes laterais ou área da flange devem ser objecto de um exame minucioso do pneu por um profissional de pneus. Será igual para quaisquer danos na jante.

Em qualquer circunstância, não volte a usar um pneu que apresente danos, tais como talão deformado ou fio de talão visível, separações entre componentes, cabos visíveis, danos de produtos petrolíferos ou partículas corrosivas, manchas ou abrasão da borracha interior resultantes de qualquer uso a uma pressão insuficiente.

Sempre que a máquina for inspecionada, verifique se a tampa da válvula está em bom estado. Em caso de dúvida, substitua-a.

Verificação do desgaste

A verificação do desgaste deve ser sempre efetuada em vários pontos do pneu.

Esta verificação pode ser efetuada com um medidor de profundidade do pneu ou observando sinais de desgaste no piso (indicado na parede lateral com um símbolo quando existir).

Se o limite legal ou técnico de desgaste for atingido, o pneu deve ser desmontado e substituído.

Deve consultar-se um profissional de pneus se existir um desgaste anormal ou uma diferença de desgaste entre dois pneus no mesmo eixo.

PT Edito photo inspection tyre em Help and Advice

man checking a tire

PT Edito photo adtloader quarry Help and Advice

Yellow articulated dump truck in action

PT Edito photo mining 5 Help and Advice

Vida útil do produto

Os pneus são feitos de diferentes tipos de materiais e componentes à base de borracha, cujas propriedades são essenciais para o funcionamento adequado do próprio pneu. Estas propriedades evoluem ao longo do tempo.

Para cada pneu, esta evolução depende de muitos fatores, tais como o clima, as condições de armazenamento (temperatura, humidade, posição, etc.) e as condições de uso (carga, velocidade, pressão de enchimento, danos na estrada, etc.) a que o pneu está sujeito durante a sua vida útil.

Estas condições de uso variam tanto, que é impossível prever a vida útil de um pneu com precisão. É por isso que, além de verificações regulares por parte do utilizador, recomenda-se que os pneus sejam verificados regularmente por um profissional de pneus qualificado, que determinará se o pneu está em condições de continuar a funcionar.

A Michelin não pode, de forma alguma, ser responsabilizada pelos danos que possam ocorrer em resultado de uma utilização contrária às suas instruções.

Está a utilizar um Browser não suportado por esta web

Está a utilizar um browser que não é suportado por este website. Isto significa que algumas funcionalidades podem não funcionar como pretendido e podem ocorrer comportamentos estranhos ao navegar neste site.

Utilize ou atualize/instale um dos seguintes browsers para tirar o máximo partido deste website.

Firefox 78+
Edge 18+
Chrome 72+
Safari 12+
Opera 71+